Programação da

VI BIMESP 2006

Bienal Internacional de
Música Eletroacústica de São Paulo

Realização

Studio PANaroma de Música Eletroacústica da UNESP

SESC

Realização técnica

PUTS - PANaroma Unesp Teatro Sonoro

Apoio

FAPESP

Direção Artística

Flo Menezes


de 10 a 17 de junho de 2006

Concertos no SESC Vila Mariana


Painel do CIMESP
Obras vencedoras do VI Concurso Internacional de Música Eletroacústica de São Paulo 2005

Sábado 10 de junho, 14h

Primeiro Prêmio:
David Berezan (1967) – Canada: Styal (2004)
Prêmio do Público
Diana Simpson (1982) – U.K.: Broken Nerve (2005)
Menção Honrosa:
Roger Cochini (1946) – France: La Schiuma dei Rumori (2000)
Menção Honrosa:
José Manrique (1962) – Spain: Historias (2002)

Painel dos Países | Suécia
Obras eletroacústicas suecas selecionadas pela SEAMS - Society for ElectroAcoustic Music of Sweden

Sábado 10 de junho, 16h

I Parte

Jens Hedman: REcoil (2002) | 8’26”
Susanne Skog: A Sound Piece for Five Friends and One Day (2006) | 10’17”
Pär Johansson: The Outsider (2003) | 4’17”
Thomas Bjelkeborn: Where be these enemies (2004) | 9’30”

II Parte

Mikael Grahn: The Lockophone (1999) | 3’15”
Paulina Sundin: The Ringing Stone of Håga (2004-2005) | 7’40”
Jan Liljekvist: Serenad (2003) | 6’24”
Åke Parmerud: Dreaming in Darkness (2005) | 11’28”

Painel da Atualidade I
Obras selecionadas do VI Concurso Internacional de Música Eletroacústica de São Paulo 2005

Domingo 11 de junho, 11h

Jacky Mérit (1964) – France: Époque (2005)
Manuel Rocha-Iturbide (1963) – Mexico: Purusha-Prakrti (2005)
Pete Stollery (1960) – U.K.: Serendipities and Synchronicities (2004)
Benjamin Thigpen (1959) – USA: brief candle (2005)
Hans Tutschku (1966) – Germany: rojo (2004)
James Wyness (1956) – U.K.: Cut Glass Bowls (2005)

Painel do Studio PANaroma

Domingo 11 de junho, 14h

Aldo Cardoso: Point, ligne et plan sur le temps (2002-2003) | 7’34”
Régis Frias: Siderurgia (2002-2003) | 8’04”
Leandro Coradini: Sqrings (2002-2003) | 9’49”
Paulo Zuben: Labirintos Circulares (1997-1998) | 8’27”
Marcos Pantaleoni: Hialofonia (2004) | 11’

Painel da Atualidade II
Obras finalistas e selecionadas do VI Concurso Internacional de Música Eletroacústica de São Paulo 2005

Domingo 11 de junho, 16h

Finalista
Mathew Adkins (1972) – U.K.: Silk to Steel (2005)
Finalista
Daniel Barreiro (1974) – Brazil: (Un)folding (2004)
Finalista
Thomas Gerwin (1955) – Germany: Computer Music (2004-05)
Finalista
Robert Normandeau (1955) – Canada: Éden (2003)
Selecionada
Antonio Ferreira (1963) – Portugal: A Romance of Rust (2004)
Selecionada
Maxence Mercier (1982) – France: Séminal Shaker (2005)

Painel Histórico

Terça-feira 13 de junho, 20h30

Luciano Berio: Visage (1961) | 21’
François Bayle: Tremblement de Terre Très Doux (1978) | 28’13”
Iannis Xenakis: La Légende d’Eer (1977-78) | 46’

Painel da Música Mista I: Guido Arbonelli
Obras eletroacústicas italianas com clarinetes

Quinta-feira 15 de junho, 18h

I Parte

Mauro Porro: Ipse (2002) | 11’
para clarinete e sons eletroacústicos.
Ricardo Bianchini: Los Pájaros del Sueño (1998) | 8’
para clarinete e sons eletroacústicos.
Walter Prati: Con (1996) | 7’
para clarone e sons eletroacústicos.

II Parte

Emanuele Pappalardo: Sulle Ali del Respiro (1996) | 11’
para clarone e sons eletroacústicos.
Giancarlo Turaccio: A_notion (2006) | 7’
para clarone e sons eletroacústicos. Estréia mundial.
Luigi Ceccarelli: Birds (1995) | 13’
para clarone e sons eletroacústicos.
Clarinete: Guido Arbonelli.

Painel da Interação: Concerto Didático

Sexta-feira 16 de junho, 21h

I Parte

Kyong Mee Choi (1971) – Korea: Sublimation (2004), para marimba e sons eletroacústicos | Segundo Prêmio Ex Aequo do VI CIMESP 2005
João Pedro Oliveira (1959) – Portugal: Time Spell (2004), para clarinete e sons eletroacústicos | Segundo Prêmio Ex Aequo do VI CIMESP 2005
Flo Menezes: Colores (Phila: In Praesentia) (2000) Requiem Eletroacústico in memoriam do poeta Philadelpho Menezes | Prêmio Sergio Motta 2002 (São Paulo).

II Parte

Flo Menezes: Quaderno (2005) | ca. 16’30”
para marimba e eletrônica em tempo real. Estréia mundial.
Clarinete: Guido Arbonelli.
Percussão: Ricardo Bologna.

Encerramento

Painel da Música Mista II:
Flo Menezes – obras da década de 1980/90

Sábado 17 de junho, 21h

I Parte

Harmonia das Esferas (2000) | 34’26”
para sons eletroacústicos octofônicos.
Realização: Studio PANaroma – SP.
Parcours de l’Entité (1994) | 15’41”
para flautas, percussão metálica e sons eletroacústicos estereofônicos.
Realização: Studio PANaroma – SP.
Prêmio Internacional Ars Electronica 1995 (Linz, Áustria).

II Parte

Contextures I (Hommage à Berio) (1988-89) | 8’20”
para sons eletroacústicos quadrifônicos.
Realização: Studio für elektronische Musik – Colônia, Alemanha.
Seleção Internacional Unesco 1989 (Paris, França).
A Dialética da Praia (1993) | 23’05”
para 70 instrumentos de percussão e sons eletroacústicos.
Realização: Studio PANaroma – SP.
Versão reduzida, estreada no Carnegie Hall (A Viagem sobre os Grãos):
Prêmio Internacional Luigi Russolo 1996 (Varese, Itália).
Flautas: Cássia Carrascoza.
Percussão: Eduardo Gianesella e Joaquim Abreu.
Difusão eletroacústica: Flo Menezes.

Lançamento do DVD Maximal Music Vol. 11 de Flo Menezes com as obras Pulsares e labORAtorio (apoio: FAPESP e Goethe-Institut; gravado parcialmente no SESC Vila Mariana).

ATIVIDADES PARALELAS

Abertura do evento:
Mesa-redonda com a nova geração de compositores do Studio PANaroma

Os compositores da nova geração do Studio PANaroma apresentam suas idéias, relatam suas experiências em composição eletroacústica e apresentam suas obras.

Data: sábado, 10 de junho, 11h. Local: Auditório do SESC.

Workshop: o clarinete contemporâneo e sua interação com as novas tecnologias
Workshop com o clarinetista italiano Guido Arbonelli (vencedor do Prêmio Internacional Gaudeamus, na Holanda).

Data: quarta-feira, 14 de junho. Horário: das 15h às 18h. Local: Auditório do SESC.

Masterclass: a composição eletroacústica em tempo real – análise de Quaderno (2005), para marimba e eletrônica, de Flo Menezes
Masterclass ministrado por Flo Menezes, com a participação do percussionista Ricardo Bologna, sobre a composição eletroacústica mista Quaderno (2005).

Tema: análise da obra, abordando desde sua concepção até suas técnicas de escritura e de interação com os meios eletrônicos; introdução ao programa Max/MSP desenvolvido no IRCAM parisiense e do Holospat de Marselha; síntese granular e síntese em tempo real.

Data: sexta-feira, 16 de junho. Horário: das 15h às 18h. Local: Teatro do SESC Vila Mariana.


| back to BIMESP

| back to mainpage